Seja bem - vindo


O Atelier de Palavras é um espaço para compartilhar palavras por meio de textos, crônicas, pensamentos, reflexões, poesias, desabafos e tudo o que as palavras têm o poder de construir. Obrigada pela visita e espero que você goste, participe nos comentários e  volte sempre!  

Reflexão


Em Reflexão , você encontra textos sobre assuntos diversos. É uma pausa. Uma pausa para refletir sobre a vida, sobre as pessoas, sobre os sentimentos, sobre o tempo, sobre tudo e mais um pouco. 'Penso, logo escrevo'. 

Textos de Amor


Em Textos de Amor, você encontra palavras sobre amor, paixão, saudades, relacionamentos, dor, perda, desejos, e todas as sensações provocadas por essa palavrinha mágica, de apenas quatro letras. 'Sinto, logo escrevo'.   

Desabafos


Em Desabafos,  você encontra palavras que já não cabem mais no coração e na mente e, precisam, ser externadas por meio da escrita. Espaço de soltar o verbo, criticar, gritar, opinar..enfim, desabafar.  'Escrevo, logo alivio a alma'. 

Entre Aspas


Em Entre Aspas, você encontra palavras de diversos autores. Tanto palavras de autores renomados, que todos conhecem, quanto palavras de outros blogueiros. Caso queira ter suas palavras expostas nessa tag, entre em contato com o atelier. 'Gosto, logo reescrevo'. 

» lembranças

Desencontros

Posted on by Renata Stuart in Textos de amor | 1 Comment

Nossos relógios nunca se ajustaram. Nosso tempo nunca foi mesmo. Nossos pés nunca seguiram a mesma direção. Das vezes que nos cruzamos, nenhuma foi por inteiro. Nunca entendi. Você deixou as pegadas, eu segui, achei que chegaria em algum lugar, mas errei o caminho. Me enganei. Depois você veio. Ora estava aqui, ora ali. Por infinitas vezes, a vida interrompia nosso percurso. Eu partia, depois voltava. Éramos pura oscilação. Sempre freando, retrocedendo, indo e vindo. Você se desviando dos meus passos e eu dos seus. Até que um dia, eu perdi de vez a bússola que me levava até você. E quando você finalmente resolveu se ajustar ao meu relógio, era tarde demais. Você estava em horário de verão. E eu não.

Por Renata Stuart