Futuro: um sonho necessário


Fazer planos, sonhar com o amanhã…
Como eu estarei daqui há 10 anos? O que eu terei conquistado? Onde estarei ? Quem estará ao meu lado ? Ainda estarei gostando das mesmas coisas que gosto hoje? Estarei feliz? Terei filhos? Terei vivido um grande amor?
Eu acho que pensar no futuro é perturbador. Ele é um tempo sobre o qual não temos controle (embora algumas pessoas soberbas acreditam ter).
Acho que penso isso pela insegurança da vida, pela incerteza se estarei respirando quando o sol amanhecer. Acho que o futuro gosta de fazer pegadinhas com a gente, pois estamos sempre atrás dele. No novo ano que se inicia, na esperança dos dias melhores, na esperança que o tempo cure alguma dor, ou quando levantamos cedo para ir trabalhar e nos garantir um futuro digno. Pensando no futuro, abrimos mão do presente o tempo todo, sem perceber.
Mas, ultimamente eu tenho tentado enxergar as coisas de outra forma. Mais otimista, digamos. Se o amanhã não existisse em nossa mente, o hoje seria apenas uma tentativa desesperadora de se realizar tudo agora e já.
Descobri que o futuro é o combustível que coloca o presente em movimento…É acreditando no futuro, que a gente ganha energia para viver todos os dias. Do contrário, construir uma história de vida não faria sentido. A história só existe se o futuro existir.
O que seria da vida se não pudéssemos sonhar? Nossas ambições não teriam valor algum. O que seria de nós, quando a angústia toma conta, se não acreditássemos que dias melhores virão? Em função de que viveríamos? Trocaríamos os grandes desejos da vida por desejos de momento. Mas os momentos passam… e a vida continua!
Enfim, acho que sonhar com futuro é necessário. Só não podemos colocá-lo em detrimento do presente. Temos que sonhar com o cabelo branco de amanhã, sem deixar de usufruir da juventude que temos hoje. Temos que sonhar com a maioridade sem abrir mão da infância. Viver pressupõe sonhar. A vida pede sonhos. Tudo ao seu tempo. Com calma, fé e intensidade.

Posted on by Renata Stuart in Reflexão

About Renata Stuart

Renata Stuart tem 27 anos e é mineira, de Belo Horizonte. Se não fosse comunicóloga, seria psicóloga. Romântica incurável, intensa e fã de pessoas, escreve para tentar entender o comportamento humano, os relacionamentos e a si mesma. Desistiu e chegou à conclusão de que a vida não se explica, se sente.

8 Responses to Futuro: um sonho necessário

  1. Jose Luiz Rabello Filho

    Concluindo… A bíblia é considerada o livro dotado da mais alta e incontestável sabedoria, e quando nos diz que O AMANHÃ A DEUS PERTENCE, não nos deixa dúvidas de que, o que somos ou deixamos de ser ou o que fomos nos interessa agora, neste momento em que você lê este têxto, mas o que seremos, ou onde estaremos no próximo dia é uma icógnita que não deixa nenhum resquício de certeza, apenas previsão.

  2. Jose Luiz Rabello Filho

    Este texto me lembra a recente ocasião em que o furacão Irene passou pela costa americana, com origem em porto rico. Um site mostrava em tempo real, graficamente o exato ponto do centro do furacão, sua velocidade de rotação edesde o epicentro até sua extremidade, bem como a sua velocidade de deslocamento. Graças à alta tecnologia de satélites e sistemas de meteorologia super sofisticados, se pôde antecipar o aviso à população, mas embora com tôda a eficiência e precisão tecnológica, um quociente de dúvida faz com que algo seja imprevisível e que não se pode ter a exata dimensão, em termos de quais os reais estragos seriam previstos, isso se observa facilmente diante das providências que foram tomadas pela população, aliás… demasiadamente exageradas para o que de fato ocorreu no momento em que no mapa sinalizava a passagem da extremidade do furacão em seu apogeu na região de boston. Quem muito lucrou com isto foram os mercados de material de construção, aqui por exemplo, o HOME DEPOT, que comercializou milhares de playwood (chapas de madeira prensada) destinadas a proteger fachadas de vidro e janelas de residências. Portanto, concluindo… Eu fiquei tao curioso para conhecer o IRENE, que de uma forma estranhamente sádica fiquei decepcionado…rsrs, deu uma chuva com vento que se vê em qualquer lugar em época de transição das estações do ano, e alguns galhos quebrados daqui e dali, mas nada que justificasse tanto alarme.

  3. Allan Ferreira

    Que leitura agradável! Você se expressa muito bem, parabéns Renata. O que se pode fazer mediante ao futuro é construir os seus alicerces no presente. Cultivar amizades, estudar, planejar… A vida é uma aventura, e deve ser vivida em todas as suas etapas. Abraços!

    • Renata Stuart

      Obrigada, Allan. Vc tem razão, a vida é uma verdadeira aventura… cheia de riscos e obstáculos, mas também cheia de sensações únicas! Abraços!

  4. José ricardo

    Eu gostei muito de sua postagem, brilhante!!!

  5. Ana Luiza

    Nossa, foi um texto e tanto que acabei de ler…Nem acreditei que foi minha linda madrinha Renata que fez. Nossa, parabéns pelo texto, e amei…Continue sempre assim, que terá um grande futuro, pensando e vivendo o presente, parabéns mesmo.

Add a Comment